quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Resenha #3 - A Casa de Hades

Hey Lindos, hoje vim trazer para vocês mais um resenha. Finalmente terminei a leitura de A Casa de Hades, quarto livro da série os Heróis do Olimpo que foi escrita pelo MARAVILHOSO Rick Riordan, lançado aqui no Brasil pela editora Intrínseca.

Sinopse

A Casa de Hades

A tripulação do Argo II enfrenta dias difíceis. Inimigos espreitam no caminho para a Casa de Hades e o moral da equipe está baixo após a perda de dois integrantes importantes em Roma. Para chegar às Portas da Morte e tentar impedir o despertar de Gaia, nossos heróis Hazel, Jason, Piper, Frank e Leo vão precisar fazer alianças perigosas, encarar deuses instáveis e combater os asseclas enviados pela sanguinária Mãe Terra para detê-los.
A situação é ainda pior para Percy e Annabeth. Após caírem no Tártaro, os dois passam fome, sede e sofre com diversos ferimentos enquanto são caçados por vários inimigos que derrotaram ao longo dos anos e que agora surgem das sombras em busca de vingança. A única esperança da dupla de voltar para o plano mortal reside em encontrar as Portas da Morte e fechá-las de uma vez por todas. No entanto, uma legião de monstros fiéis a Gaia defende as Portas, e nem Percy nem Annabeth estão em condições de enfrentá-la.

Minha Opinião

Geralmente, quando leio os livros da intrínseca, espero histórias marcantes, com uma boa narrativa e muita descrição de detalhes, principalmente quando leio os livros do tio Rick. Dessa vez não foi diferente. Logo de cara nos deparamos com uma capa que já diz muito do que vai acontecer do livro com o Percy e a Anabeth. Rick nos leva a um mundo de mitologia onde as lendas são vistas de forma inimagináveis, e os personagens são testados a todos momentos. Ele consegue fazer com que a personalidade dos mitos sejam alteradas de formas surpreendente fazendo com  que não saibamos em quem devemos confiar. Como citei em outro post, esse livro nos traz muitas revelações, e Rick mantém personagens da série Percy jackson e os Olimpianos (como o próprio Percy, Anabeth, Bob/Japeto e Nico) de forma bem marcante. A narrativa é deliciosa e possui um vocabulário muito leve e gostoso de ler. A escrita nos faz torcer pelos personagens, vibrar com eles e sofrer com eles.
Os capítulos foram divididos por personagens, e todos os momentos eu ansiava pelo capítulos do Percy e da Anabth. Só não me identifico com o Jason, acho ele muito perfeito, acho que como os outros ele deveria ter alguns defeitos e inseguranças (ODEIO PERSONAGENS MUITO PERFEITOS E SUPER AMIGÁVEIS). O livro tem uma aventura bem envolvente e sacrifícios que chegam a doer no leitor (COMO SOU MUTO SENSÍVEL, ACABEI CHORANDO NO FINAL, POR UM PERSONAGEM).
A Casa de Hades nos compensa com uma ótima jornada contada nos mínimos detalhes e que transporta o leitor a um mundo onde Deuses não são perfeitos e monstros que possuem lados sensíveis. Mostra o valor da amizade, e que semideuses não nasceram para ter vidas pacatas normais.
Em uma escala de 0 a 10 eu dou 9,5 porque sim
Ansiosa aguardando o próximo livro.
o que acharam da resenha?
 Se vocês já leram o livro ou tem alguma curiosidade a respeito dele, deixe aqui seu comentário, é sempre bom saber suas opiniões.  
Fui boazinha de não deixar spoiler kkk
Bjokas