quarta-feira, 2 de abril de 2014

Presentinho da Intrínseca

OOOi pessoal, hoje venho apresentar a vocês o meu novo baby, que chegou sexta-feira, da Intrínseca.


Siiiiiiiim, o meu novo livro é Silo, uma distopia que promete tirar meu folego.
Só fiquei com o livro, porque como sou uma ótima filha (rsrsrs) dei a camiseta para minha mamis linda :)

  

A capa é fosca, mas a parte de trás é a mais linda. A Intrínseca caprichou muito no livro.

  

Silo é o primeiro livro da trilogia.
É separado em partes e tem uma diagramação simples.
As letras são grandes e isso faz com que a leitura flua com muita facilidade.
Com 500 páginas, o livro parece que vai me prender do começo ao fim.



Sinopse

O que você faria se o mundo lá fora fosse fatal, se o ar que respira pudesse matá-lo? E se vivesse confinado em um lugar em que cada nascimento precisa ser precedido por uma morte, e uma escolha errada pode significar o fim de toda a humanidade?Essa é a história de Juliette. Esse é o mundo do Silo.
Em uma paisagem destruída e hostil, em um futuro ao qual poucos tiveram o azar de sobreviver, uma comunidade resiste, confinada em um gigantesco silo subterrâneo. Lá dentro, mulheres e homens vivem enclausurados, sob regulamentos estritos, cercados por segredos e mentiras.
Para continuar ali, eles precisam seguir as regras, mas há quem se recuse a fazer isso. Essas pessoas são as que ousam sonhar e ter esperança, e que contagiam os outros com seu otimismo.
Um crime cuja punição é simples e mortal.
Elas são levadas para o lado de fora.
Juliette é uma dessas pessoas.
E talvez seja a última.

Bjokas